Moradia Aniceto Rosário

2012 – 2013 | Cascais

A proposta diz respeito à reabilitação de um edifício existente, localizado em Cascais, numa zona habitacional consolidada. A moradia, de dois pisos, foi sujeita a alterações com vista a reformular vários aspectos arquitectónicos da mesma.

Memória Descritiva

Partindo como objectivo principal a adaptação do volume construído às novas exigências quotidianas de vivência dos utilizadores de forma a oferecer mais conforto e funcionalidade, procurou-se uma melhor organização do espaço interior, que se mostrava demasiado regrada e pouco adaptada à utilização de uma habitação nos dias de hoje, e um desenho de fachadas mais simples e actual, bem como uma maior relação com o espaço de lazer envolvente.

Para tal, concentrou-se no Piso 0 todos os espaços sociais da habitação, de modo a reforçar a sua relação visual e espacial com o jardim envolvente. No piso 1 encontra-se a zona mais privada da moradia: dois quartos servidos por uma instalação sanitária, e um quarto com instalação sanitária própria e um closet. Na remodelação dos pisos foi considerada a essência da geometria anterior dos espaços alterando-se apenas o tamanho das divisões conforme as necessidades de espaço e de conforto.

Quanto ao logradouro, passa a ter várias zonas com uma função específica interligada com o espaço interior: a Sul, propõe-se um espaço com piscina e zona de deck para descanso, com ligação directa à Sala; a Poente temos um espaço mais resguardado e uma zona de estendal que comunica directamente com a zona da cozinha.

No que toca à estética do conjunto edificado, procurou-se resolver a carência de uma limpeza a nível de elementos secundários tal como os embasamentos nas fachadas, muros e canteiros muito trabalhados.

Para uma composição coerente de vãos na moradia, foi criado um ‘módulo’ de 0,60m de largura, conferindo assim uniformidade na visualização dos alçados. Para zonas interiores sem relação directa espacial com as fachadas, como o hall de distribuição dos quartos e do closet, optou-se pelo aproveitamento de luz zenital através da utilização de clarabóias ao nível da cobertura.

PROJECTOS RELACIONADOS

Reabilitação Bloco B - Abegoaria

Reabilitação Bloco B – Abegoaria

2020 | Mourão
Reabilitação Rua da Rosa Lisboa

Rua da Rosa Lisboa

2019 | Reabilitação Loja 50-52
Arquitecto Moradia Cascais

Moradia Estoril

2019 | Moradia em Cascais
Arquitecto moradia alvalade

Moradia Alvalade

2018 | Moradia em Alvalade
Moradia Lisboa rua correnteza 21

Moradia Lisboa

2012 - 2014 | Lisboa
moradia vasco da gama

Moradia Vasco Gama

2013 - 2015 | Cascais
arquitectos Moradia Aniceto Rosário

Moradia Aniceto Rosário

2012 - 2013 | Cascais
Edifício Rua Mercês Lisboa

Edifício Rua Mercês Lisboa

2012 - 2013 | Lisboa
Edifício Venteira 39

Edifício Venteira 39

2008 - 2010 | Amadora
Sede SRU

Sede SRU

2005 - 2007 | Lisboa
Residência Estudantes

Residência Estudantes Politécnico Santarém

2001 - 2004 | IP Santarém